img_9651

Jennifer Niven conquistou nossos corações com seu primeiro livro lançado em terras brazucas, Por lugares incríveis. Nessa Bienal, tivemos o prazer de conhecê-la, e foi maravilhoso conversar e abraçar essa pessoa maravilhosa que ela é.

Juntando os Pedaços, seu novo livro, é uma história encantadora, repleta de sentimentos e extremamente sensível. Aqui conhecemos Jack, um adolescente popular, cheio de charme, divertido e que é amigo de todos. O que ninguém sabe sobre Jack é que ele tem prosopagnosia, uma doença que o impede de reconhecer rostos (sim, qualquer rosto, incluindo família e até o seu próprio). Para conseguir distinguir as pessoas, ele decora algumas características identificadoras da pessoa, como cabelo, tom de pele, formato da orelha e o tom de voz. Ninguém sequer desconfia que ele sofre dessa doença, mas Jack já se meteu em muitas enrascadas por isso.

Libby acabou de voltar a estudar em uma escola. Acontece que, depois de perder a mãe por causa de uma hemorragia, a menina entrou em uma depressão muito grande, assim como seu pai. Como válvula de escape de toda a sua dor, Libby começou a comer demais. Tanto que chegou ao ponto de não conseguir sair de casa e ter que ser resgatada pelos bombeiros. Libby ficou conhecida como a garota mais gorda da América. Agora, quase três anos, dieta e muitos tratamentos depois, Libby emagreceu dezenas de quilos e voltou a conviver com as pessoas em espaços públicos. Mas, mesmo que a menina esteja arrumando o aspecto da saúde de sua vida, ela ainda precisa lidar com o luto e a tristeza que continuam assolando a seu pai e a ela.

Jack e Libby tem seus destinos cruzados por causa de uma brincadeira de mau gosto na escola. Jack é desafiado a pular em cima da Libby e a agarrar com força, como se ela fosse um touro mesmo. Claro que a Libby se sente humilhada e desesperada, e acaba socando Jack pra que ele saia de cima dela. E é por isso que os dois são pbrigados a frequentar um grupo de aconselhamento da escola. Com o tempo, a resistência dos dois ao grupo vai diminuindo, e eles vão descobrindo mais de si mesmos do que poderiam imaginar.

A narrativa do livro é feita em primeira pessoa, ora na visão da Libby, ora na de Jack. Como já era de se esperar de um livro da Niven, a história flui facilmente, é bem humorada e com uma linguagem gostosa de ler. Nossos protagonistas precisam viver com uma vida complicada mas, juntos, eles sentem que tem a força necessária para seguir em frente.

A narrativa da parte de Jack é, por muitas vezes, irritante. Mas isso só acontece porque o rapaz não é muito maduro mesmo, então a gente acaba lendo algumas coisas e pensando COMO RAIOS VOCÊ CHEGA A ESSAS CONCLUSÕES ESTÚPIDAS, AMIGÃO?  Mas ele é uma ótima pessoa, só está um pouco perdido (quem nunca se sentiu perdido na adolescência que atire a primeira pedra).
(Na verdade, quem nunca se sentiu perdido em qualquer fase da vida que atire a primeira pedra, né).

Já a narrativa de Libby é um reflexo direto da nossa protagonista: é forte, intensa, cheia de sofrimento em alguns momentos, mas sempre bem resolvida. A história aqui vai muito além dos dois adolescentes problemáticos. É sobre duas pessoas que precisam aprender a se amar mesmo cheias de defeitos, que ainda estão aprendendo o que é confiar, ser amigo, amar.

Como uma mulher gorda, posso dizer que via na Libby a Larissa que eu fui na maior parte da minha adolescência. É difícil se aceitar e se amar quando tudo ao seu redor te diz que você é inapropriada, feia, fora do normal. Assim como a Libby, lembro de como era, aos 12 anos, pensar que eu não merecia ser amada, porque tinham tantas garotas lindas e magras para serem amadas no meu lugar. Rapidamente aprendi que eu devia ser a minha prioridade – e que, quer saber? Dane-se a opinião de todo mundo, porque a única que importa é a minha. Mas nem sempre a gente consegue se libertar de todos os julgamentos, e ver a trajetória da Libby é inspirador.

Como já era esperado, Juntando os pedaços é um livro emocionante, comovente e extremamente bem escrita. A história de Jack e Libby vai te encantar.