minha-vida-mora-ao-lado (5)
Sempre que a editora Valentina lança um novo livro, a nossa expectativa aqui em casa é enorme. Assim, quando anunciaram a publicação de Minha vida mora ao lado, nós mal podíamos esperar para ler esse livro. E teve uma certa pessoa (cof Carina cof) que fez uma campanha tão intensa de amor pelo livro que ficamos ansiosíssimas. Ainda bem que o livro era tudo isso mesmo.

Aqui temos duas famílias completamente diferentes uma da outra, os Garret e os Reeds. Samantha vive com sua mãe em uma grande casa, só as duas. A Sra. Reeds é uma mulher bem-sucedida – ela é candidata a senadora – e daquelas mulheres de classe média alta viciadas em organização e limpeza. Já os Garret são uma família com oito filhos, entre eles Jase (<3), e os pais da família são uns amores – eles estão sempre felizes, mesmo quando estão passando por alguma dificuldade.

Quando os Garret se mudam para a mesma vizinhança que as Reed, a mãe de Samantha quase enlouquece. Imagina uma família bagunceira e desodernada como aquela para estragar a vizinhança! Claro que ela proibe Samantha de se relacionar com eles. Claro que Samantha os acha incríveis e quer poder conhece-los melhor.

minha-vida-mora-ao-lado (2)minha-vida-mora-ao-lado (4)

Não dura muito tempo sem que Samantha e Jase se conheçam e percebam que eles se dão bem juntos. E, de forma inesperada, depois de algum tempo em que o relacionamento deles foi evoluindo, o romance surge. E, claro, junto com o romance, todos os obstáculos imagináveis também aparecem para tentar separar os dois.

Não que eles se importem. Dizem por aí que escondido é mais gostoso.

Mas nem sempre vai rolar paz nessa relação, e é descobrir o que eles fazem para ficarem juntos que faz com que essa história seja encantadora.

E podemos começar a falar sobre todo esse encanto pelos personagens. Jase é um rapaz querido, maduro e responsável. Ele trabalha com o pai, está sempre presente para ajudar sua mãe a tomar conta de seus irmãos e é um cara muito, muito fofo. Ah, ele consegue consertar qualquer coisa que esteja quebrada. Um amor meu amor . Já Samantha é uma personagem que nos surpreende por ser uma fofa mesmo vivendo sob o mesmo teto que sua mãe, que é um poço de chatice. Ela é estudiosa, nunca dá trabalho – por sinal ela trabalha em três lugares diferentes mesmo podendo não trabalhar em lugar nenhum. Dá para entender porque a gente torce por esse casal desde a primeira frase do livro, não é?

Claro que, além desses amorecos, temos a família Garret em geral para alegrar nossas vidas. Destaque para George, o irmão de dez anos de Jase, que é uma fofura daquelas que, se pudessemos, iriamos apertar as bochechas e passar tardes nos divertindo com eles. Sincero como toda criança parece ser, e também com uma visão inocente das coisas, ele fala o que quer sem pensar nas consequências, o que faz com que a gente tenha boas risadas quando ele está em cena.

Minha vida mora ao lado é um romance fofo, que nos mostra que a simplicidade normalmente é muito mais gratificante que toda a pompa que o luxo pode comprar. É difícil falar sobre o livro porque o legal dele é ver como a história dos personagens se desenvolve, como eles estão vivendo no período de tempo em que o livro é narrado. É uma leitura sensível e linda, com cenas engraçadas, delicadas, dramáticas e, todas, muito envolventes. Queremos mais livros da Huntley!